APÓS PRISÃO DE NUZMAN, COI SUSPENDE DIRIGENTE E COMITÊ OLÍMPICO BRASILEIRO

Dilma e Nuzman conversam durante evento da Rio 2016, em maio do ano passado

Um dia após a prisão de Carlos Arthur Nuzman, o Comitê Olímpico Internacional (COI) decidiu suspender provisoriamente o dirigente e também o Comitê Olímpico Brasileiro (COI) após o escândalo da compra de votos na eleição que colocou o Rio de Janeiro como sede dos Jogos de 2016.

Com “efeito imediato”, o COI “suspende o senhor Carlos Nuzman provisoriamente de todos os direitos, prerrogativas e funções derivadas de sua qualidade como um membro honorário do COI; e retira o senhor Carlos Nuzman da comissão coordenadora para os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020”.

Sobre o comitê brasileiro, o comitê executivo da entidade que rege o esporte olímpico mundial o “suspendeu provisoriamente” e de acordo com a regra 59 da Carta Olímpica o COB terá “congelados” os “subsídios e pagamentos” e não “está permitido exercer seus direitos” como associação nacional.

“Para proteger os interesses dos atletas brasileiros, essa decisão não vai afetar os atletas brasileiros”, disse o COI.

Fonte: ESPN.com.br – Postado às 21:47

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editores

Sérgio Leandro

Formado em Administração de Empresas, Especialização em RH, Analista em Esportes.
 
Equipe formada por:
 
Enquetes

O desempenho do Brasil nas Olímpiadas Rio 2016 em relação a Londres 2012, 3 Ouros, 5 Pratas e 9 Bronzes vai ser:

  • Melhor (70%, 7 Votes)
  • Pior (20%, 2 Votes)
  • Igual (10%, 1 Votes)

Total Voters: 10

Carregando ... Carregando ...
Parceiros

Arquivos
Facebook Likes