BRASIL PASSEIA CONTRA A FRACA BOLÍVIA EM NATAL

URUGUAI VENCE VENEZUELA E SEGUE LÍDER DA ELIMINATÓRIA
6 de outubro de 2016
SÓCIOS DO SPORT NÃO VÃO PAGAR INGRESSO PARA O JOGO CONTRA O VITÓRIA DIA 16/10
7 de outubro de 2016

BRASIL PASSEIA CONTRA A FRACA BOLÍVIA EM NATAL

4-dsc_9877Neymar fez um bom jogo em Natal mas continua mostrando despreparo psicológico contra juízes e adversários (Foto: Genival Paparazzi)

O Brasil evoluiu. Deixou de ser um “time safado” para ser um time Safadão. Assim, no aumentativo, com Neymar roubando a bola, tabelando, fazendo gols e dando assistências, com Giuliano, Daniel Alves e Coutinho enchendo os olhos, Gabriel Jesus fazendo mais um, e até gol de Wesley Safadão, ou melhor Roberto Firmino e sua chuquinha. A semelhança capilar com o cantor despertou a criatividade do público de Natal, que delirou em gritos de “Vai, Safadão” quando o atacante entrou no lugar de Jesus, e mais ainda quando fez o quinto gol em cabeçada certeira. A vitória por 5 a 0 merece a ressalva de que a Bolívia é muito fraca? Merece. Mas também vale lembrar que o Brasil sofria para vencer times frágeis. Isso quando vencia… Ponto para Tite, ovacionado pela galera que estava habituada a vaiar Dunga. Vai, Safadão!

30.013 torcedores foram à Arena das Dunas e geraram renda de R$ 4.307.145,00.

O Brasil manteve a segunda colocação nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, um ponto atrás do Uruguai: 19 a 18. Na próxima terça-feira, em rodada que abre o segundo turno, as duas seleções jogam fora de casa. O Brasil contra a Venezuela e o Uruguai diante da Colômbia. Oportunidade para chegar ao primeiro lugar. A Bolívia, por sua vez, segue com sete pontos e caiu para o penúltimo lugar com o empate entre Peru e Argentina. Na terça receberá o Equador, em La Paz.

Fonte: Globoesporte.com – Postado às 08:21

Comentários

Comentários

Sérgio Leandro
Sérgio Leandro
Administrador de Empresas, especialista em Gestão de Recursos Humanos, Instrutor de cursos na área de Recursos Humanos e Departamento de Pessoal, atuando como Gerente de RH de uma Empresa de Médio Porte. Estudioso em futebol association e idealizador do Bolão Bola na Trave.