EFEITO PRÉ-TEMPORADA FAVORECE CLUBES DA SÉRIE A

ESPETÁCULO DE TIRAR O CHAPEU
2 de fevereiro de 2015
COMEÇA A COPA NORDESTE
3 de fevereiro de 2015

EFEITO PRÉ-TEMPORADA FAVORECE CLUBES DA SÉRIE A

Depois de tantos pedidos de treinadores e jogadores, enfim, em 2015, os clubes foram atendidos e tiveram quase um mês de pré-temporada. Diferentemente dos anos anteriores, quando os campeonatos começavam na metade de janeiro, desta vez foi possível adquirir um condicionamento físico melhor antes de a bola rolar pelos estaduais. E o reflexo disso veio imediatamente em campo. Os clubes da Série A tiveram exibições mais sólidas no primeiro jogo oficial do que em 2014, o que se traduziu também em resultados.

Em 2014, sete dos 20 clubes da elite perderam seus jogos de estreia na temporada. Desta vez, apenas a Ponte Preta derrapou – perdeu para a Portuguesa por 3 a 2. Com as 13 vitórias dos atuais representantes da Série A em seus estaduais, o aproveitamento disparou para 77,19%, contra apenas 48,33% no ano passado. Um crescimento de mais de 28% que justifica o coro por mais tempo de preparação para os times. Os tricolores Grêmio, São Paulo (foto) e Fluminense são exemplos de times que iniciaram mal o ano passado e venceram na estreia oficial deste ano.

Vale lembrar que, em 2014, o único campeonato envolvendo times da Série A que começou um pouco mais tarde (26 de janeiro) foi o Mineiro.

Confira abaixo as estreias dos times da Série em 2014 e em 2015:

Estreias de clubes da Série A em 2015: 13 vitórias, 5* empates, 1 derrota – aproveitamento de 77,19%
Estreias de clubes da Série A em 2014: 8 vitórias, 5 empates, 7 derrotas – aproveitamento de 48,33%
*Joinville e Avaí se enfrentaram na primeira rodada do Catarinense de 2015. Portanto, um ponto foi contabilizado e, em vez de 20, foram consideradas 19 partidas.

Comentários

Comentários

Sérgio Leandro
Sérgio Leandro
Administrador de Empresas, especialista em Gestão de Recursos Humanos, Instrutor de cursos na área de Recursos Humanos e Departamento de Pessoal, atuando como Gerente de RH de uma Empresa de Médio Porte. Estudioso em futebol association e idealizador do Bolão Bola na Trave.