KAYA FORSON “DISPUTAR UMA OLIMPÍADA É UMA OPORTUNIDADE ÚNICA”

kaya 1Kaya sorri ao dar entrevista para um jornalista de Gana (Foto: Gabriele Lomba)

Kaya não teve pressa para sair da água. Ao tocar a borda pela última vez, o cronômetro apontava: 10s52 a mais que a vencedora da primeira (e mais fraca) das seis baterias dos 200m livre da Rio 2016. Quase meia piscina de diferença. A menina magrinha, então, tirou os óculos, espremeu os olhos para avistar o placar e molhou a cabeça. Quando levantou o rosto, estava sorrindo. Era o fim de sua histórica participação olímpica. Kaya Forson, 14 anos, é a primeira nadadora de Gana, país de seus avós. Ficou na 42ª colocação. O tempo de 2m16s02 foi 21 segundos maior que o da americana Katie Ledecky, líder da eliminatória.

Última e extremamente feliz.

O sorriso continuou por toda a área de chão azul que leva os atletas até a zona de entrevistas. Ao virar à esquerda, ela até se surpreendeu. Sorriu para os repórteres. Ombro meio encolhido, segurando uma toalha com um dos braços.

– Foi incrível. Disputar a Olimpíada é uma oportunidade única na vida de um atleta. Estou muito feliz de estar aqui – diz.

Fonte: Globoesporte.com – Postado às 22:29

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editores

Sérgio Leandro

Formado em Administração de Empresas, Especialização em RH, Analista em Esportes.
 
Equipe formada por:
 
Enquetes

O desempenho do Brasil nas Olímpiadas Rio 2016 em relação a Londres 2012, 3 Ouros, 5 Pratas e 9 Bronzes vai ser:

  • Melhor (70%, 7 Votes)
  • Pior (20%, 2 Votes)
  • Igual (10%, 1 Votes)

Total Voters: 10

Carregando ... Carregando ...
Parceiros

Arquivos
Facebook Likes