LUÍS SOARES ADMITE CULPA E PEDE DESCUPA

Pivô da principal polêmica da Copa do Mundo até agora, o uruguaio Luis Suárez finalmente admitiu que mordeu o italiano Chiellini. Ele também aproveitou para pedir desculpas ao zagueiro pelo seu ato.

“Me arrependo profundamente. Peço perdão a Giorgio Chiellini e a toda a família do futebol. Me comprometo publicamente a nunca mais me envolver em um incidente como este”, disse Suárez em carta divulgada em seu Twitter.

Pouco depois, o próprio Chiellini retuitou o comunicado de Suárez e respondeu ao uruguaio: “Está tudo esquecido. Espero que a Fifa reduza a sua suspensão”

O atacante do Liverpool não poderá jogar nas próximas nove partidas do Uruguai. Ele também está suspenso de todas as atividades relacionadas ao futebol por quatro meses.

A princípio, a Fifa havia entendido que a pena aplicada foi justa porque Suárez não mostrou arrependimento e também porque ele já era reincidente. Entretanto, o próprio Chiellini, que foi mordido, considerou a punição “exagerada”. O Uruguai já disse que vai recorrer da decisão.

O jornal espanhol AS, por outro lado, publicou que Suárez apenas seguiu uma recomendação do Barcelona, que tenta contratá-lo para a próxima temporada e quer tentar reduzir a sua punição. Um dos pontos que a publicação cita para esta teoria é que há poucos dias, em sua defesa em documento enviado à Fifa, o uruguaio negou que tenha mordido o jogador italiano.

Confira o documento em que Suárez pede desculpas na íntegra:

“Depois de uns dias em casa com minha família, tive a oportunidade de recuperar a calma e refletir sobre a realidade do que aconteceu na partida entre Itália e Uruguai, no dia 24 de junho de 2014. Independentemente das polêmicas e das declarações contraditórias que se produziram durante esses dias, tudo isso ser ter desejado interferir no bem estar da minha seleção. O certo é que meu companheiro de profissão Giorgio Chiellini sofreu em um lance que teve comigo os efeitos físicos de uma ‘mordiscada’. Por isso:
– Me arrependo profundamente.
– Peço perdão a Giorgio Chiellini e a toda a família do futebol.
– Me comprometo publicamente a nunca mais me envolver em um incidente como este”.

Fonte: Uol Esportes Copa – Postado às 17:47

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editores

Sérgio Leandro

Formado em Administração de Empresas, Especialização em RH, Analista em Esportes.
 
Equipe formada por:
 
Enquetes

O desempenho do Brasil nas Olímpiadas Rio 2016 em relação a Londres 2012, 3 Ouros, 5 Pratas e 9 Bronzes vai ser:

  • Melhor (70%, 7 Votes)
  • Pior (20%, 2 Votes)
  • Igual (10%, 1 Votes)

Total Voters: 10

Carregando ... Carregando ...
Parceiros

Arquivos
Facebook Likes