REALMENTE MUITOS FATOS PRECISAM DE ESCLARECIMENTOS

O promotor Roberto Senise Lisboa, que investiga o “caso Héverton”, afirmou na noite de domingo ter “indícios fortes” de que alguém da Portuguesa recebeu dinheiro para que o jogador fosse escalado contra o Grêmio.

Há indícios de que alguém no clube recebeu vantagem e acabou prejudicando a Portuguesa. O que é certo é que o técnico Guto Ferreira não sabia da situação do jogador. Ao que tudo indica, houve problema no meio do caminho, na comunicação do clube – afirmou o promotor em entrevista para a “Rádio Bandeirantes”.

A questão é quem ganhou dinheiro com isso, e alguns indícios apontam para isso. A máfia no futebol não esta restrita apenas ao apito, disse Senise Lisboa, em referência ao caso “Máfia do Apito”, de 2005.

Fonte: globoesporte.com – Postado às 12:39

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editores

Sérgio Leandro

Formado em Administração de Empresas, Especialização em RH, Analista em Esportes.
 
Equipe formada por:
 
Enquetes

O desempenho do Brasil nas Olímpiadas Rio 2016 em relação a Londres 2012, 3 Ouros, 5 Pratas e 9 Bronzes vai ser:

  • Melhor (70%, 7 Votes)
  • Pior (20%, 2 Votes)
  • Igual (10%, 1 Votes)

Total Voters: 10

Carregando ... Carregando ...
Parceiros

Arquivos
Facebook Likes