SERENA WILLIAMS VENCE PELA SÉTIMA VEZ O AUSTRALIAN OPEN

serena 5Serena Williams, campeão do Aberto da Austrália 2017 (Foto: Quinn Rooney / Staff / Getty Images)

Desde a infância em Compton, na Califórnia, onde começaram no esporte pela influência do pai, Richard, e da mãe, Oracene, Serena e Venus Williams sonhavam em ser jogadoras de tênis. O pai imaginava que as filhas poderiam chegar um dia a um Grand Slam e, quem sabe, em uma final em família. Elas foram além. As americanas cresceram, revolucionaram o tênis e conquistaram juntas 29 Slams, sendo 22 para a caçula e outros sete para Venus. Após quase 20 anos de rivalidade, elas voltaram a decidir um título pelo Aberto da Austrália, depois de 14 anos, em uma reedição da final de 2003. Venus, de 36 anos, buscava o troféu inédito após anos de batalha contra lesões e uma síndrome que afeta o nível de energia e causa fadiga e dores nas articulações. A partida valia ainda mais para Serena, que, depois de uma provação, soube manter a calma e conquistar não só o sétimo título do torneio como se tornar a maior campeã em Grand Slams na Era Moderna e posto de número 1 do mundo novamente. Em um jogo nervoso e marcado pelo equilíbrio, a caçula levou a melhor em sets diretos, com um duplo 6/4 a 6/4, para fechar uma campanha perfeita, neste sábado, em Melbourne.

Após conquistar pela 23ª vez um Slam, Serena se isolou como a maior vencedora de Grands Slams, superando a marca da alemã Steffi Graf, com 22, e também alcançando o maior número de vitórias entre homens e mulheres: 316. De quebra, a americana ainda ultrapassou a alemã Angelique Kerber no ranking da WTA, liderando a lista, e ficou a um título de igualar os 24 da australiana Margaret Court.

serena 4Abraço emocionado das irmãs Williams após campanha perfeita de Serena, que chegou ao hepta e tornou-se a maior campeã em Grand Slams da história da Era Moderna (Foto: Scott Barbour / Stringer / Getty Images)

No fim, um abraço longo e emocionado para fechar o jogo histórico. Quem diria que as duas, aos 35 e 36 anos, estariam juntas novamente em uma decisão de um Grand Slam, a mais velha do circuito na Era Aberta. Serena lidera o retrospecto de confrontos contra Venus, por 17 a 11, e ampliou a sua vantagem contra a irmã em finais: 9 a 3, sendo 7 a 2 em decisões de Slams. Na última final em família, no WTA Finals de 2009, Serena também levou a melhor.

Fonte: Globoesporte.com – Postado às 08:46

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Editores

Sérgio Leandro

Formado em Administração de Empresas, Especialização em RH, Analista em Esportes.
 
Equipe formada por:
 
Enquetes

O desempenho do Brasil nas Olímpiadas Rio 2016 em relação a Londres 2012, 3 Ouros, 5 Pratas e 9 Bronzes vai ser:

  • Melhor (70%, 7 Votes)
  • Pior (20%, 2 Votes)
  • Igual (10%, 1 Votes)

Total Voters: 10

Carregando ... Carregando ...
Parceiros

Arquivos
Facebook Likes