CBV CANCELA SUPERLIGA FEMININA DE VÔLEI; MASCULINA TERÁ O MESMO DESTINO

TOM BRADY ANUNCIA SAÍDA DOS PATRIOTS APÓS 20 ANOS
17 de março de 2020
FÓRMULA 1 CANCELA GP DE MÔNACO
19 de março de 2020

CBV CANCELA SUPERLIGA FEMININA DE VÔLEI; MASCULINA TERÁ O MESMO DESTINO

Minas (azul) é o atual campeão no feminino (Orlando Bento/MTC)

Após reunião com os clubes nesta quinta-feira, a Confederação Brasileira de Vôlei determinou o cancelamento da Superliga Feminina de vôlei. Na conversa, ficou decidido que não haveria tempo hábil para terminar a edição 2019/2020 por conta da pandemia do coronavírus. Como a previsão é que a crise de saúde ainda dure pelo menos mais dois meses, os clubes precisariam esperar para tentar dar prosseguimento ao torneio em junho. A Superliga Masculina seguirá pelo mesmo caminho, mas a decisão oficial só será divulgada após a reunião com os representantes, marcada para a tarde desta quinta.

Com a decisão, as Superligas 2019/2020 ficarão sem campeões definidos. No masculino, ainda faltava uma rodada para fechar a primeira fase, com Taubaté liderando com 54 pontos e o Cruzeiro logo atrás com 53. No feminino, as equipes se preparavam para as disputas das quartas de final. O Praia liderou a primeira fase com 58 pontos seguido muito perto por Sesc (57) e Minas (57).

Esta será a primeira vez na história que a Superliga terminará sem um campeão. Desde 1976, com a organização do primeiro campeonato nacional, em todas as temporadas uma equipe levantou o troféu.

 

Fonte: Globoesporte.com – Postado às 15:52

Sérgio Leandro
Sérgio Leandro
Administrador de Empresas, especialista em Gestão de Recursos Humanos, Instrutor de cursos na área de Recursos Humanos e Departamento de Pessoal, atuando como Gerente de RH de uma Empresa de Médio Porte. Estudioso em futebol association e idealizador do Bolão Bola na Trave.